Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2016
Imagem
Os filhos do Cunha e o desespero de Temer Por Altamiro Borges
Reportagem publicada no jornal O Globo neste sábado (29) deve ter causado angústia no presidiário Eduardo Cunha e desespero nos usurpadores que assaltaram o Palácio do Planalto. Ela informa que a força-tarefa da Lava-Jato investiga os dois filhos do correntista suíço – Danielle e Felipe Dytz da Cunha – pelo crime de lavagem de dinheiro. O ex-presidente da Câmara Federal, que foi descartado por seus comparsas após a concretização do "golpe dos corruptos", já disse várias vezes que não vai se calar caso sua família seja presa. Ele ameaçou ligar o ventilador no esgoto para atingir todos os que o traíram após o trabalho sujo do impeachment. O Judas Michel Temer está na linha de tiro!
Segundo a reportagem, assinada por Paulo Celso Pereira e Jailton de Carvalho, "as investigações da Operação Lava-Jato sobre os supostos crimes do ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) passaram agora a atingir mais um filho do deputado: Fe…

ELEIÇÃO? PT LADRÃO! REDE GLOBO BATEU ESSE CARIMBO.

Imagem
E O PT, NO PODER, SE DEIXOU DESTRUIR, UM DIA APÓS O OUTRO, “PORQUE NÃO PODIA BRIGAR COM A REDE GLOBO".









N




Não precisa muita análise. Não precisa muita tese, altos estudos, seminários, etc, para identificar porque o eleitorado tradicional, votou, com tanto ódio, tanta sede de vingança, contra o PT, ao ponto de, em São Bernardo, ter derrotado Lula em todos os municípios.
REDE GLOBO FEZ CAMPANHA DIÁRIA E FOI MAIS EFICIENTE DO QUE TODA A OPOSIÇÃO JUNTA Há alguns anos atrás, a entidade que representa os donos dos principais veículos, sindicato presidido por uma tal D.Judith, definiu em seminário, que “não existia oposição” e eles, imprensa, iriam jogar este papel. Quando começou a acontecer a Lava Jato, graças as leis e liberdade dada pelos governos do PT, eles definiram a estratégia de ataque diário: “O PT fez a faz a maior corrupção da história do país”. A Rede Globo jogou pesado nos lares que o PT era o responsável de tudo. Poderia ser qualquer envolvido: PP, PMDB, PSD, etc, caia a guerr…

VOZ "FEMINISTA" (?) DA FAVELA

Imagem
Como uma funkeira 'negra e gorda' virou símbolo de beleza e voz da favelaRenata Mendonça - @renata_mendoncaDa BBC Brasil em São Paulo Há 1 hora Image copyrightFERNANDO SCHLAEPFERImage captionMC Carol tem quase 300 mil likes em sua página no Facebook Carolina tem 23 anos e aprendeu na escola, ainda criança, aquele que seria seu rito de sobrevivência no Morro do Preventório, comunidade no bairro de Charitas, em Niterói (RJ): bater para se defender. A vida toda ela ouviu piadas sobre seu peso, sua cor, suas origens - e sempre respondeu "na porrada". "Sofri um pouquinho na escola. Mas nada de chorar, de ficar deprimida… eu saía na porrada, apanhava e batia. Fui criada assim. Chegava em casa toda marcada e falava: não, não aconteceu nada", resume. Criada pelos avós, foi morar sozinha aos 14 anos, quando o avô faleceu. Logo desistiu de brigar - e da própria escola, antes mesmo de iniciar o Ensino Médio. "Eu queria ser juíza, mas, quando meu avô m…

DA SÉRIE VENEZUELA NÃO É "BRASILREPUBLICANOIDIOTA: Parlamento da Venezuela amanhece sem luz antes de sessão sobre Maduro: "

Imagem
Parlamento da Venezuela amanhece sem luz antes de sessão sobre Maduro
DE SÃO PAULO 27/10/2016  11h15 - Atualizado às 11h42
Compartilhar21





















O presidente da Assembleia Nacional da Venezuela, Henry Ramos Allup, afirmou que foi cortado o fornecimento de energia nas instalações do Legislativo nesta quinta-feira (27), para quando se havia convocado uma sessão para discutir a responsabilidade do presidente Nicolás Maduro sobre a crise política no país.
"Aviso: informo que cortaram a eletricidade no Palácio Federal Legislativo e no edifício administrativo da Assembleia Nacional", informou Allup por meio de sua conta no Twitter.

VENEZUELA DEFENDE A DEMOCRACIA E PODE IR A GUERRA CIVIL.

Imagem
Opinião: Venezuela enfrenta opções difíceis e povo fala em guerra civil7 Hugo Prieto* Em Caracas (Venezuela) 27/10/201611h47 Manifestante mostra cartas de baralho com as imagens de Hugo Chávez e Nicolás Maduro durante protesto de opositores ao governo venezuelano, em Caracas A decisão tomada por vários tribunais venezuelanos na quinta-feira (20) de anular as assinaturas coletadas para a convocação de um referendo revogatório deixa no limbo a possibilidade de remover o presidente Nicolás Maduro de seu cargo por meios constitucionais, pacíficos e eleitorais. De maneira previsível, o Conselho Eleitoral Nacional usou a decisão para anunciar, algumas horas depois, que a coleta de assinaturas nesta semana havia sido suspensa, assim impedindo que o referendo se realize. Esse estratagema judicial exala uma aura de ilegalidade e não pode ser explicado sem se levar em conta a firme concentração de poderes pelo governo chavista na Venezuela desde 2005. Como salientou o advogado constitucional Gus…